Buscar
  • minasbioconsultoria

Levantamento Florístico

Atualizado: Abr 29

O levantamento florístico consiste num estudo técnico com o objetivo de identificar as espécies vegetais e o estado da vegetação em uma área. Pode ser realizado por Biólogos, Agrônomos e Engenheiros Ambientais ou Florestais.



Mas qual a importância desse estudo?


Suponha que você irá realizar a construção de um condomínio, mas a área destinada a esse fim está recoberta por uma densa vegetação. Nesse caso, antes de tomar algumas decisões, como desmatar o local, você precisaria identificar quais espécies estão presentes naquele local para não causar grandes danos a aquela comunidade biológica.


Preparação para coleta do material botânico – Foto por Laura Vital.



Para quê realizar esse estudo?


Como a área está recoberta por uma densa vegetação, a identificação de cada espécie vegetal antes da construção, é importante. Suponha que exista naquela área uma espécie em extinção e você a remova daquele local, as cadeias alimentares, ou as teias alimentares (falando em um sentido mais amplo) são bem sensíveis ao desaparecimento de indivíduos. As plantas, normalmente, se encontram no primeiro nível trófico dessas teias, seguidas de seus consumidores (ditos primários), se removermos aquela espécie do local, estaríamos auxiliando no desaparecimento daquela espécie, visto que ela estava em extinção e, consequentemente, no desaparecimento dos consumidores primários, que, por sua vez, serviam de alimento para consumidores secundários, assim, desestabilizando toda aquela comunidade presente na área. Além disso, geralmente, a remoção de espécies em extinção é uma prática ilegal, pois essas espécies são protegidas por lei, o que inviabiliza a construção de seu condomínio.



O levantamento florístico é necessário?


Legalmente, sim. O levantamento florístico é um estudo exigido como parte de diagnósticos ambientais, por exemplo, utilizados para licenciamento de atividades que envolvam a supressão da vegetação, segundo a Lei n° 6.938 de 1981.



Como é realizado o levantamento?


O levantamento pode ser realizado por meio da coleta manual de material botânico, qualquer planta que apresente flor ou fruto é coletada e suas características são anotadas, como cor, cheiro, local de coleta (beira de estrada, mata fechada), hábito, dentre outras, e, então, armazenada para futuro estudo e identificação. Para a coleta são utilizados a tesoura de poda e o podão, para o armazenamento o material é envolvido por um papel e prensado em placas de papelão, depois é levado a um laboratório onde será desidratado. Esse material é comparado ao de herbários, livros, e suas características comparadas ao de chaves taxonômicas, dessa maneira é possível identificar de qual espécie se trata, seu hábito, estratégias de dispersão, uso e o estágio de sucessão ecológica da área. Por fim, esse material pode ser adicionado a um herbário ou descartado.


Tesoura de poda.


Coleta de material usando o podão – Foto por MinasBio Consultoria Ambiental.


Material botânico em herbário – Foto por Kassio Vinicio


Como podemos ver, o levantamento florístico nos dá muito mais informações do que apenas a identificação das espécies da área. Demonstra-se impactante nos custos de empreendimento e como parte fundamental de serviços, como o Licenciamento Ambiental.





REFERÊNCIAS

https://adviceambiental.com.br/blog/importancia-do-levantamento-floristico-para-licenciamento-ambiental/

56 visualizações4 comentários