Buscar
  • minasbioconsultoria

Negacionismo - O que é ?

Durante a pandemia ocorrente, você com certeza já se deparou com uma situação de negacionismo. O debate mais recente negacionista é sobre a negação das vacinas e os uso de tratamentos comprovadamente ineficazes contra a covid-19.


Quantas vezes você ouviu dizer de alguém que tem medo de tomar a vacina? Nesse texto vamos procurar entender mais sobre esse fenômeno emergente.


Imagem: A. Borges

O embate de dois gigantes:


Devido a crise global na saúde pública que a pandemia do novo coronavírus tem causado, é comum presumir que o crescimento do negacionismo científico que visa descredibilizar a vacina nos dias de hoje seja, no mínimo, contraditório, já que, somente através da vacinação em massa, será possível combater a disseminação do novo vírus e retomar à normalidade como estávamos acostumados.


No entanto, o negacionismo científico vem apresentando proporções alarmantes que comprometem o combate à pandemia, acentuando incertezas à população.


As notícias mais recentes sobre o movimento antivacina, um dos exemplos do negacionismo científico, nos Estados Unidos, apontam para as consequências desse movimento: as infecções estão aumentando em todo o país, em alguns estados menos da metade da população não foi tomar a primeira dose por negar a segurança e eficácia das vacinas aprovadas pela Organização Mundial da Saúde.


Mesmo sendo um dos países líderes na campanha de vacinação mundial, os EUA agora enfrentam o encontro entre duas crises: a pandemia e o negacionismo científico.



“Nós não somos os ratos de laboratórios deles” Foto: protesto contra a vacinação em NY


Muito se discute sobre as causas do surgimento, crescimento e perpetuação dos negacionismos, e é importante ressaltar que até mesmo o modo de se fazer ciência vêm sendo questionado nesse cenário.


A questão colocada em cheque, está relacionada com o tipo de comunicação que ocorre (ou não ocorre) entre a pesquisa e a população. Em muitos países, as comunidades científicas continuam sendo espaços ocupados majoritariamente por elites que acabam detendo o conhecimento e debate científico dentro desses espaços criando uma muralha entre a ciência e a comunidade.


Portanto, iniciativas de comunicação científica de qualidade e democratização do espaço acadêmico-científico, se fazem extremamente necessárias a esses países. Sem elas, a população se torna mais suscetível a discursos negacionistas, bem como vítimas deles.



Do Capão Redonto para o Butantan Mc Fioti representa no funk e insentiva a vacinação
Imagem: Institudo Butantan

Do Capão Redonto para o Butantan Mc Fioti representa no funk e insentiva a vacinação


Para saber mais sobre a história da vacinação no Brasil, confira nosso texto Uma breve história sobre a vacinação no Brasil.


Clique para conferir o cordel
Cordel das Vacinas, Edha Herculano.

Clique para conferir o cordel

Para saber mais sobre a vacinação acesse: Vacinas contra a Covid-19



Além disso, vale destacar que, é de interesse financeiro de certos grupos, que o negacionismo ocorra. Os primeiros “negacionistas profissionais” receberam financiamento das indústrias de combustíveis fósseis para negar os estudos vigentes sobre o clima.


Os altos financiamentos marcam o desenvolvimento dos negacionismos até os dias de hoje. Como exemplo podemos citar as fake news que tiveram um papel relevante na difusão de teorias negacionistas que foram fundamentais para as últimas eleições presidenciais no Brasil e Estados Unidos.



Imagem: CNN Notícias

Mas afinal, o que é negacionismo?


Negacionismo é um conjunto de ideias, crenças ou valores subjetivos que negam o conhecimento objetivo, as críticas pertinentes, o argumento lógico e as premissas de um debate público racional baseado em fatos. É um movimento que vai além das Fake news, leia nosso texto Fake News e o Coronavírus: o impacto das notícias falsas no combate à pandemia


O termo teve sua origem nos debates do Holocausto, sendo usado àqueles que negavam o genocídio aos judeus da Alemanha nazista durante a Segunda Guerra Mundial.


Os negacionismos são atitudes sistemáticas de negação, que estão vinculadas a interesses políticos e criam narrativas alternativas para explicar a realidade e moldá-la de acordo com os interesses de grupos específicos. Hoje em dia, é comum associarmos essas atitudes com ignorância. No entanto, a ignorância nada mais é do que a consequência fabricada propositalmente por esses grupos.


São negacionismos: o neonazismo, o movimento terraplanista, o criacionismo, entre outros. Podemos notar que os negacionismos não são homogêneos, formados por grupos distintos, mas que se articulam entre si.No Brasil, o mito da democracia racial que nega o racismo, é a base estrutural do país, um exemplo de negacionismo histórico.



protesta contra ações do governo ao longo da pandemia - Mauro Pimentel/ AFP
Arte de rua no Rio de Janeiro (RJ)

"protesto contra ações do governo ao longo da pandemia - Mauro Pimentel/ AFP"




REFERÊNCIAS:


Negacionismo na pandemia: a virulência da ignorância. Unicamp. Disponível em: < https://www.unicamp.br/unicamp/noticias/2021/04/14/negacionismo-na-pandemia-virulencia-da-ignorancia >. Acesso em: 3 Aug. 2021.


HTTPS://JORNAL.USP.BR/AUTHOR/HERTONUSP-BR. A ciência contra o negacionismo. Jornal da USP. Disponível em: < https://jornal.usp.br/ciencias/a-ciencia-contra-o-negacionismo/ >. Acesso em: 3 Aug. 2021.


TODOS PELAS VACINAS - VACINARTES. Todos pelas Vacinas - VacinArtes. Todospelasvacinas.info. Disponível em: https://www.todospelasvacinas.info/materiais/vacinartes. Acesso em: 3 Aug. 2021.


LE MONDE DIPLOMATIQUE. Quando duas crises se encontram: a pandemia e o negacionismo científico. Le Monde Diplomatique. Disponível em: https://diplomatique.org.br/quando-duas-crises-se-encontram-a-pandemia-e-o-negacionismo-cientifico/ . Acesso em: 3 Aug. 2021.


‌MOREL, Ana Paula Massadar. Negacionismo da Covid-19 e educação popular em saúde: para além da necropolítica. Trabalho, Educação e Saúde, v. 19, 2021. Disponível em: https://www.scielo.br/j/tes/a/pnVbDRJBcdHy5K6NSc4X65f/?lang=pt . Acesso em: 3 Aug. 2021.


AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS DO ESTADO DO PARANÁ. Todas as vacinas contra a Covid-19 são seguras? Pode escolher o laboratório? Confira perguntas e respostas. Agência Estadual de Notícias. Disponível em: < https://www.aen.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=113326&tit=Todas-as-vacinas-contra-a-Covid-19-sao-seguras-Pode-escolher-o-laboratorio-Confira-perguntas-e-respostas >. Acesso em: 3 Aug. 2021.


‌‌HTTPS://WWW.FACEBOOK.COM/BBCNEWS. Covid: por que a vacinação nos EUA está ficando mais lenta? - BBC News Brasil. BBC News Brasil. Disponível em: < https://www.bbc.com/portuguese/internacional-58023998 >. Acesso em: 3 Aug. 2021.





Sobre a autora: Bruna Gentil, graduanda em Ciências Biológicas/Bacharelado-UFU. Contato: brunagentils0@gmail.com @jabotiacaba_





75 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo