Buscar
  • minasbioconsultoria

Mulheres na Ciência

Atualizado: 26 de out. de 2021

“Mulheres” e “ciência” são duas palavras que, quando colocadas lado a lado, trazem discussões essenciais para entendermos um pouco mais do momento e do mundo em que vivemos. Por exemplo, você sabia que atualmente apenas 30% dos pesquisadores no mundo são mulheres?

Nesse texto vamos ver algumas mulheres que fizeram história na ciência e se tornaram símbolos de resistência para gerações futuras, se tornando marcos para meninas e mulheres do mundo todo..

As mulheres na ciência sempre foram colocadas à margem. Durante grande parte da história, as mulheres foram afastadas dos espaços de produção científica por questões culturais e estruturais ou até mesmo por leis que impediam o ingresso delas em instituições de ensino. Porém, apesar de todas as dificuldades, diversas mulheres lutaram contra isso e fizeram e fazem história nas descobertas científicas.



Fonte: UNESCO

No dia 11 de fevereiro é comemorado o “Dia Internacional das Mulheres e Meninas na Ciência”, adotado por resolução da Assembléia Geral das Nações Unidas em 22 de dezembro de 2015.


“Sobre o Dia”


O dia reconhece o papel crítico que mulheres e meninas desempenham na ciência e na tecnologia. De acordo com as Nações Unidas, atualmente apenas 30% dos pesquisadores no mundo são mulheres.

No entanto, apesar de todas as dificuldades e as opressões sofridas pelas mulheres no meio científico, com um mergulho na história é possível perceber que descobertas revolucionárias na ciência foram feitas por mulheres!

E, mesmo com os inúmeros avanços sociais vivenciados na atualidade, sabemos que, infelizmente, a desigualdade de gênero na ciência e em outras áreas ainda é uma realidade.

Hipátia de Alexandria


Hipátia de Alexandria é considerada a primeira mulher matemática da história. Nascida no ano 370, em Alexandria, no Egito, ela desenvolveu pesquisas em astronomia, física e filosofia. Ela foi brutalmente assassinada em 416, após os seus estudos serem descobertos por um grupo de cristãos. A sua pesquisa foi considerada heresia e ela condenada à morte.



Fonte: Wikimedia Commons


Matilda Moldenhauer Brooks

Nascida em 1888, Matilda Moldenhauer Brooks formou-se na Universidade Harvard e atuou nas áreas de Biologia e Biologia Celular. Ela é bastante lembrada por ter descoberto, em 1932, o antídoto ao envenenamento por monóxido de carbono e cianeto.


Fonte: Science photo Library

Bertha Lutz (1894 – 1976)


Bertha Lutz destaca-se como uma das mais notáveis biólogas do Brasil. Formada em Ciências Naturais na Universidade de Paris, especializou-se em anfíbios. Foi a primeira mulher a assumir um cargo no funcionalismo público (algo proibido até então) do Rio de Janeiro.

Em 1945, fez parte da Conferência de São Francisco, motivadora, por sua vez, da criação da Organização das Nações Unidas (ONU). Para mais, Bertha foi a principal líder na luta pelos direitos políticos das mulheres brasileiras, tendo atuado diretamente para a conquista do voto feminino, em 1932.


Fonte: Arquivo ONU


Rosalind Franklin (1920 – 1958)

Pioneira em pesquisas de biologia molecular e difração de raios X, a biofísica britânica foi uma das personagens femininas mais injustiçadas de toda a história da ciência, recebendo, depois de muito tempo, o título póstumo de "mãe do DNA".

Rosalind foi quem descobriu a estrutura e a composição do DNA. Apesar disso, os bioquímicos James Watson e Francis Crick, sob chefia de Maurice Wilkins, receberam os créditos sozinhos pela descoberta e, na entrega do prêmio Nobel de Medicina, em 1962, o trio não fez uma única menção sequer à cientista.


Fonte:: Donaldson Collection/Michael Ochs Archives/Getty Images

Estas são só algumas das milhares de mulheres e cientistas que revolucionaram o mundo com suas pesquisas e descobertas e que apesar de todas as dificuldades nunca desistiram de seus sonhos!

Gostou de saber mais sobre as mulheres na ciência? Deixe seu comentário!

REFERÊNCIAS:

MULHERES NA CIÊNCIA: CONHEÇA AS CIENTISTAS QUE ENTRARAM PARA A HISTÓRIA. Disponível em: <https://www.educamaisbrasil.com.br/educacao/dicas/mulheres-na-ciencia-conheca-as-cientistas-que-entraram-para-a-historia> Acesso em: 19 out. 2021.


CONHEÇA 10 MULHERES NA CIÊNCIA QUE FIZERAM HISTÓRIA. Disponível em: <https://escoladainteligencia.com.br/blog/mulheres-na-ciencia/> Acesso em: 19 out. 2021.


Dia internacional das mulheres e meninas na ciência - International Day of Women and Girls in Science. Disponível em: <http://www.pbmc.coppe.ufrj.br/index.php/pt/noticias/1155-dia-internacional-das-mulheres-e-meninas-na-ciencia-international-day-of-women-and-girls-in-science>. Acesso em: 19 out. 2021.

 

Sobre a autora: Júlia Ribeiro Inocêncio, graduanda em Ciências Biológicas/Bacharelado-UFU, amante do mar e de música e apaixonada pela biologia.

Contato: juliaribeiroinocencio@gmail.com



 

107 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo